6 Coisas que eu não gosto na Espanha

As vesperas de completar quatro anos morando na Espanha, notei que sempreeeeeeeeeee falo muito bem do país, do que eu gosto de fazer por aqui, da cultura, dos lugares maravilhosos que conheci e quero conhecer, da comida, enfim…consigo reunir  a todo momento apenas pontos positivos e acabo deixando o que eu não gosto de lado.


Sei que estou me “arriscando” com esse texto, afinal,  nós brasileiros e espanhóis temos algo em comum: a gente pode falar muito mal do nosso país, mas não gostamaos NADA quando um gringo deixa sua opinião negativa sobre a nossa nação. kkkkk É ou não é ?

Pois bem, apesar de amar e ser muito feliz aqui na Espanha, existem certos detalhes que eu não gosto, mas respeito e tento me adaptar da melhor maneira possivel. Vejamos!! 

  1. Tauromaquia

Não entra na minha cabeça como isso ainda acontece na Espanha e acredite você ou não, é considerado um espetáculo “cultural” e reune um sem-fim de turistas e nacionais que pagam bem caro para ver de pertinho o combate entre o homem e o touro. É, definitivamente, algo muito cruel!

A Tauromaquia começou lá por volta do séc XII e abarca não apenas as conhecidas “touradas”,mas também tudo aquilo que culturalmente envolve  o touro.

Por exemplo, a festa de San Fermín que acontece na cidade de Pamplona, onde uma multidão sai correndo por vielas sendo “perseguidos” por Touros bravos.

É obvio que cada pessoa gasta seu dinheiro onde bem entende, mas taí um turismo que eu não recomendo. Gaste dinheiro com outras coisas! 😉

2. Comer Coelho

Lembro a primeira vez que me ofereceram provar uma paella (prato tipico de valência) e que levava “pollo” e “conejo”. Naquela epóca eu já sabia algo de castellano e fiquei horrorizada em saber que é muito comum comer a carne de coelho.

Inclusive, na carnicería dos supermercados você pode encontrar o animal “limpo” (sem a pele) da mesma forma que compramos um frango congelado, por exemplo. Foi impactante, ao menos para mim, pois sempre vi o coelho como animal de estimação e não comida.

Carne de Coelho vendido entero

 

3. Disposição das casas e apartamentos

Os compartimentos das casas e apartamentos na Espanha, quase sempre, são diferentes de como estamos acostumados no Brasil. Normalmente, você não tem a entrada principal na sala e sim em um corredor que dá acesso aos outros cômodos.

Eu acho bem estranho receber uma visita e ela ter que passar por todo o apartamento até chegar na sala. Poxa, nem posso deixar a casa de perna pro ar kkkk.

Entrada do apartamento ao fundo – Foto Ilustrativa

 

4. Estender Roupa

Pendurar  roupa para secar é outro ponto que eu considero negativo aqui na Espanha, principalmente, se você mora em apartamento.

Primeiro que não é comum ter lavanderia,  a maquina de lavar é uma peça a mais na cozinha e para estender a roupa é preciso subir até a cobertura do edificio, na zona que está reservada para tal. Tem gente que adapta um varal de parede em alguma janela e se vira nos trinta.

Acontece que em alguns lugares não é permitido você colocar sua roupa para secar na fachada da casa, por isso, se você chegou recentemente no país, busque saber para não ser multado por isso.

Roupa secanco na “azotea” ( em espanhol) de um edificil.

 

5. O Horário

No inicio foi bem dificil de acostumar e na minha opinião acho que se perde bastante tempo ao seguir a hora na Espanha.

Aqui tudo começa mais tarde que no Brasil e os estabelecimentos fecham no horarío correspondente do almoço e sesta espanhola.

Ou seja, a partir das 14h  até as 17h quase tudo está fechado. 🙁  E por falar em hora, já aprendeu a dizer “que horas são” em espanhol ? Gente, que complicação. kkkk

Complicado kkk

6. Estacionar

100nhor!!! Estacionar seu carro na Espanha é um exercicio profundo de paciência, fé e insistência kkkkk. Aqui praticamente todo mundo tem automóvel e obviamente o número de vagas de estacionamento ficam escassas para tanta gente.

Existem os famosos “parkings” em zonas de alto fluxo de turismo ou comercial, porém é preciso desembolsar alguns eurinhos e dependendo do tempo que você fique, pode sair bem caro.




Se inscreva no blog e receba diretamente no seu email todas as nossas  novidades. Para entrar em contato, utilize o formulário abaixo.

Saludos!!

Taiana Jimenez

Sou brasileira, residente e apaixonada pela Espanha. Amante de viagens e da cultura espanhola, compartilho com vocês minha experiência e as melhores dicas para quem deseja morar, estudar ou turistar pela terra de Cervantes!