NIE e TIE: Documento de Identidade para estrangeiros na Espanha |Saiba como solicitar

[texto atualizado em 22/10/2018]

Hoje, quero compartilhar com vocês algo muito importante para quem tem o objetivo de ficar na Espanha por um tempo superior a 180 dias. O Número de Identificación de Extranjeros ou simplesmente NIE como conhecemos aqui, é uma forma de identificar estrangeiros, legais ou não, na Espanha.

Ter apenas o NIE não dá direito de residir e/ou trabalhar na Espanha, pois ele é apenas seu número de identificação como imigrante no país. 

Na maioria dos casos o NIE vai  atrelado a um tipo de autorização de residência concedida pelo Governo Espanhol. Esse tipo de identificação também é exigido para estrangeiros de países membros da União Europeia caso decidam viver no país.

Ambos terão que solicitar o cartão de identidade estrangeiro, aqui chamado de TIE (Tarjeta de Indentidad Extranjero) onde constará seu número de identificação.

Como é o TIE?

Como podem observar na imagem de exemplo, a identificação é composta por seus dados pessoais(nome, endereço, data de nascimento, nacionalidade, sexo), o tempo de validade da sua permissão para residir no paísa qualificação do seu visto (se te permite trabalhar ou não) e o mais importante de tudo o número de identificação.

Foto ilustrativa

 

Muita gente acha que ter um TIE  é o suficiente para viver na Espanha por um tempo indeterminado, porém não é bem assim. 

Como o próprio nome já diz, é um documento de identificação e que servirá  para todos os trâmites burocráticos no país (para abrir uma conta bancária,pedido de nacionalidade, ingressar num curso, etc…), porém com uma validade. Isso significa que antes de expirar você precisa renovar sua autorização para morar na Espanha.

Sabemos que para todo processo administrativo (seja lá em que país for) você precisa apresentar requisitos e motivos para possuir um documento oficial de identificação, nesse caso não será diferente.

Para ter um TIE você vai precisar

  •  Não estar em situação IRREGULAR na Espanha
  • Deverá ser solicitado por interesse profissional, econômico ou social do estrangeiro. Ex: Realizar um curso de Espanhol superior a 6 meses.
  • Comunicar os motivos pelo qual deseja solicitar esse tipo de documento.
  • Informar sobre o motivo (profissional, social,familiar econômico, etc)
  • Formulário em modelo oficial ( EX-15) assinado e duplicado. (Formulário NIE)
  • Cópia do passaporte completo ou documento de Identidade se a pessoa pertence a União Europeia.
  • Pagamento da taxa correspondente.

Onde Solicitar ?

Se você já esta na Espanha poderá solicitar pessoalmente na “Oficina de Extranjeros”ou na “Comisaria de Policía” ( Delegacia de policia ) de onde você vive. 

Se você ainda está no Brasil, a solicitação deverá ser feita  no Consulado Espanhol, porém o mais habitual e aconselhável é fazer essa petição na Espanha, mesmo que você tenha entrado com visto de turista. Vale lembrar que antes de finalizar seu período legal no país é preciso fazer isso.

Para solicitar o NIE na Espanha é importante pedir um agendamento prévio que poderá ser feito diretamente no site oficial, escolhendo a cidade na qual você está e que recurso estará vinculado sua solicitação. Veja:

Não esqueça de levar o formulário preenchido,o passaporte (original e copia), foto 3×4 recente e com fundo branco e a documentação que comprove o motivo para ter um NIE/TIE. Além do pagamento de uma taxa em torno de 15€.

 

Achou complicado? Não é. No meu caso levei todos os documentos que listei acima em uma oficina de estrangeiros aqui na comunidade que vivo na Espanha e com três semanas fui buscar. Com isso, consegui abrir uma conta bancária, fazer um curso, fazer habilitação para dirigir, etc. Cita prévia Extranjeria

Se você possui a Nacionalidade de um dos países membros da União Europeia, veja como proceder, acessando:  NIE para estrangeiros membros da União Europeia


Se inscreva no blog e receba diretamente no seu email todas as nossas  novidades. Para entrar em contato, utilize o formulário abaixo.

Taiana Jimenez

Sou brasileira, residente e apaixonada pela Espanha. Amante de viagens e da cultura espanhola, compartilho com vocês minha experiência e as melhores dicas para quem deseja morar, estudar ou turistar pela terra de Cervantes!