Anúncios

Cidades na Espanha pagam 3 mil euros para você morar lá. Será?

Follow Partiu Espanha on WordPress.com

Há certo tempo venho recebendo inúmeros emails de pessoas interessadas em morar na Espanha. Até aí tudo bem, nada de anormal. Acontece que nos últimos meses, por exemplo, muita gente me escreve perguntando como “ganhar 3 mil euros para morar em Ponga”.

Dos textos sensacionalistas que vejo circulando diariamente pelas redes sociais, talvez, esse seja o que mais chama atenção.

Afinal, tal e como está a situação econômica no Brasil (e em outros países), quem pensaria duas vezes ao ter a chance de morar na Espanha ganhando 3 mil euros? Pois bem, vamos desvelar o que é verdade e o que deixa de ser nisso tudo.

pueblo

Uma pequena cidade na Espanha –  pixbay

Do campo para a cidade

Assim como aconteceu em boa parte do mundo, muita gente deixou a vida no campo e foi em busca de melhores oportunidades nas grandes cidades.

A Espanha conta com mais de oito mil municípios, segundo informa o Instituto Nacional de Estatística. E, uma  parte deles já correm o risco de desaparecem do mapa.

Além das capitais e municípios com mais habitantes proporcionarem maiores possibilidades para seus moradores, a chegada da crise econômica afetou muitas famílias, que desistiram de ter outros filhos. Ou seja, falta criança nesse país.

Cidades Fantasmas

Por incrível que pareça, na Espanha já existem cerca de três mil “cidades fantasmas”,lugares que foram abandonados, principalmente, nas regiões de Castilla e León, Astúrias, Galícia, Estremadura e Andaluzia.

cidade

Abandono – pixbay

Alguns destes municípios até mesmo estão à venda. Mas, como viver em um lugar sem recursos mínimos? A falta de indústria, comercio e incentivos estão entre as  queixas de quem, definitivamente, abandonou o meio rural e foi parar em cidades que viabilizam serviços básicos como saúde e educação.

asturias

Norte da Espanha – pixbay

Da cidade para o campo

Para evitar o abandono e surgimento de “cidades fantasmas”, muita gente tem pensando em largar a loucura dos grandes centros, como Madri e Barcelona, e viver tranquilamente na zona rural ou em municípios mais pequenos.

Viver na zona rural é muito mais econômico. Além disso, o governo espanhol vem buscando medidas para repovoar as cidades pequenas. Um dos projetos, é o Programa de Recuperação e Utilização Educacional de Cidades Abandonadas.

Nem Metrópole, nem montanha.

Nem todos os “pueblos” em risco de desaparecem ficam em lugares montanhosos e isolados. Existem também pequenas cidades que precisam de moradores, é o caso de Palência, Teruel, Soria, Guadalajara e Burgos.

palencia

Paléncia – Foto Reprodução

Oportunidade em cidades abandonadas (ou quase)

Em 2007 surgiu a noticia de que morar em Ponga, em Astúrias, receberia uma ajuda de três mil euros. A intenção dessa medida era de rejuvenescer a localidade e dar vida a cidade mais antiga da região.

Dez anos depois, vejo essa noticia circulando no facebook e estrangeiros enlouquecidos querendo mudar de mala e cuia para Ponga.

Mas, será que é verdade? Como mencionado acima, essa noticia é de 2007, ou seja, dez anos atrás. E não, você não vai receber três mil euros para morar em Ponga.

O que existe  na verdade são ajudas sociais e incentivos, tanto em Ponga como em qualquer outro município, com  intenção de atrair novos moradores e consolidar os que já estão por lá.

cudillero-523637_960_720

pixbay

Casas gratuitas ou com auxilio no aluguel, ajuda financeira para quem tem filhos, isenção de impostos para atrair  negócios, financiamento para empreendedores, entre outras coisas, são medidas acatadas para manter vivo serviços básicos, como o do sistema educacional. Sem crianças as escolas simplesmente fecham.

Vale lembrar que nem todos os municipios dispões de todos os pontos citados.

Nem tudo que reluz é ouro

O pé atrás na hora de pensar em morar nos pequenos vilarejos ou cidades com poucos habitantes, é basicamente, de onde você vai tirar seu sustento.

As ofertas de trabalho não existem ou são escassas, por isso, quem tem um alto nível de escolaridade prefere outros locais.

Outro ponto importante é você ter em conta que existem ajudas sociais, mas o governo da Espanha não vai te “bancar” eternamente. 

Além disso, dependendo do lugar, se integrar socialmente pode ser um grande pesadelo. Digo isso, sem a intenção de ofender os espanhóis, mas existem vilarejos em que as pessoas são mais fechadas. É uma questão de tempo e de adaptação, mas que você deve levar em consideração antes de meter o pé na estrada.

Eu, no próximo mês mudarei de Valência ( a 3ª maior cidade da Espanha), para uma localidade com apenas 800 habitantes. Te contarei as vantagens e desvantagens de viver em um “pueblo” espanhol. 🙂 


 

Gostou desse texto? Não esquece de deixar sua avaliação nas estrelas que aparecem logo no inicio. Se inscreva no blog e receba diretamente no seu email todas as nossas novidades. Para entrar em contato conosco, utilize o formulário abaixo:

 

 

Anúncios
Sobre partiuespanha (144 artigos)
Taiana Amaral Jiménez, é brasileira residente e apaixonada pela Espanha. Criou o Partiu Espanha com o objetivo de compartilhar as melhores dicas para brasileiros que desejam viajar, estudar, trabalhar e viver no país. Também colabora com o site Euro Dicas, escrevendo sobre a experiência de viver por terras espanholas.

1 comentário em Cidades na Espanha pagam 3 mil euros para você morar lá. Será?

  1. Taiana, adorei o texto! Estou conhecendo seu site ainda, mas achei bem legal você ter escrito este post. Ultimamente temos visto muitos casos de noticias fake em vários lugares, principalmente redes sociais.
    Não dá pra negar que uma proposta de 3 mil euros é dificil de não se interessar né kkkkk E como um adorador da Espanha, tenho interesse em mudar do Brasil pra lá, mas tenho encontrado muita dificuldade… as vagas são bem limitadas e se restringem a quem já possui uma carreira boa e consolidada, ou quem possui um currículo exemplar, ou então pra quem trabalha em multinacionais e é transferido pra lá.
    Tenho pesquisado intensamente há uns 5 meses sobre informações e maneiras de trabalhar na Espanha e não sei se dá pra se mudar, começar a vida lá e tal… sou novo, tenho 25 anos, tenho 3 anos de experiência administrativa, Superior completo e quero muito me mudar e trabalhar na Espanha mas confesso que não sei mais o que fazer. O que você me recomenda/indica/aconselha a fazer?
    Abraços!!

    Curtido por 1 pessoa

Obrigada por deixar seu comentário!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: